Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O MERCADO

por Os Betolas, em 28.02.14

Ontem foi dia de cumprir promessas. Andávamos há meses para combinar um jantar com um casal amigo. Prometemos que os íamos levar ao nosso restaurante preferido – O Mercado, no Mercado Ferreira Borges.

 

A mesa estava marcada para as 19h30, chegamos uma hora depois. Típico. Ao sair do parque de estacionamento deparámo-nos com um ambiente de boa disposição e felicidade. A praça do Infante D. Henrique estava cheia de convidados da edição deste ano da Essência do Vinho, uns com copos ainda meio cheios, outros com garrafas já vazias. Era o Porto no seu melhor.

 

Entramos, entretanto, para o restaurante. Mesa já marcada e à nossa espera, mesmo no centro da sala. Fomos, como já é hábito, recebidos com a simpatia característica de todos os funcionários. Carta na mesa, prontos a escolher as fantásticas tapas para entrada. E aqui começou a desgraça. A mesa de um momento para o outro encheu-se com a sertã mista, os rissóis “tipo Capa Negra”, as espetadinhas de queijo provolone panado, os croquetes de alheira e pãezinhos de mozzarella e fiambre. Tudo deliciosamente acompanhado pela famosa sangria tinta.

 

Entre conversas de amigos e o futebol a noite foi passando. Mais um jarro de sangria vinha a caminho e claro a famosa francesinha em massa de pizza não podia faltar. Neste momento os nossos “convidados” já comentavam o quão fantástica estava a ser a experiência – nós avisamos que valia bem a pena!

 

O staff ia passando, todos com espírito descontraído, de quem estava a divertir-se tanto como nós. Pedimos as sobremesas, todos queriam provar o iogurte grego com morangos confitados mas, por sugestão de um membro do staff, acabámos também por pedir a mousse de chocolate que nunca tínhamos provado. Bem, o iogurte grego continua a ser para nós o ex libris das sobremesas do restaurante mas a mousse é qualquer coisa de fenomenal.

 

O Mercado, mais uma vez, voltou a não desiludir. Não é um restaurante que vá na onda das modas  mais refinadas dos dias de hoje. É sim, um local autêntico e descontraído onde até a decoração ajuda à boa disposição. Já se imaginaram a jantar numa mesa que já foi uma palete? Ou sentados numa cadeira que foi um bidão? No Mercado tudo isto é possível.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



O NOSSO PORTO

16601876_QEy0O

Os Betolas

foto do autor


Estamos a Seguir

Seguimos


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D