Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




BETOLAS ON ROAD: LAGO DE SANABRIA | DIA 3

por Os Betolas, em 06.03.14

Hoje, após o pequeno-almoço, tivemos oportunidade de falar com a responsável da Pousada onde estamos - Aurori.

 

Aurori tem uma paixão por Sanabria e ficou quase que ofendida quando, num comentário, lhe dissemos que este era um espaço pequeno onde pouco havia para fazer. Depressa se sentou e cortou um papel para nos preparar o programa para o dia de hoje. E que programa.

 

Eram onze da manhã quando saímos em direcção ao Lago de Sanabria. Sim, já lá tínhamos estado ontem mas a Aurori fez-nos lá voltar para mais aventuras.

 

Chegámos ao Lago eram onze e meia e fomos directos comprar o bilhete para o cruzeiro ambiental de Sanabria (16€ cada). Éramos os únicos. Uma visita personalizada com dois guias do melhor que já vimos, o Raul e a Pilar.

 

O cruzeiro é feito no primeiro “catamaran” solar-eólico do mundo, ou seja, não poluente. O que aqui faz todo o sentido. Aliás, para comprovar o cuidado ambiental da sua construção, a primeira actividade a que somos sujeitos quando embarcamos é o fechar os olhos e ouvir a musica ambiente. Quando os abrimos já estamos fora do porto de embarque sem sequer nos apercebermos de qualquer ruído.

 

A viagem durou cerca de uma hora e pouco. Antes de nos despedirmos ainda houve tempo para uma cidra de sanabria que o Raul fez questão de oferecer.

 

Continuando a seguir á risca o programa da Aurori fomos para Ribadelago Viejo, uma vila em ruínas desde os anos 50. A quebra de uma barragem construída na altura inundou toda a vila tornando-a um local sombrio num cenário de total destruição. Hoje, serve simplesmente como zona de culto a todos os ex-residentes que ali perderam a vida. Aqui, aproveitamos ainda para uma caminhada por entre os rochedos que levam ao Rio Tera. Imperdível!

Nisto, quando nos apercebemos eram já duas da tarde (hora espanhola) e seguimos para almoço na vila de San Martin de Castañeda. Comemos um bife de vitela dos melhores que alguma vez podíamos experimentar. “Carne da terra”, dizia o dono do restaurante EL Recreo.

 

Já a meio do programa, continuamos a subir em direcção ao Lago de los Peces, mesmo no topo das montanhas e, ainda, todo em gelo. Meia hora numa estrada cheia de curvas e neve nas bermas, que indicavama a passagem do limpa-neves, chegamos lá e...agora passamos a palavra a estas FANTÁSTICAS imagens que conseguimos captar:

 
 
 

 

 
 
 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



O NOSSO PORTO

16601876_QEy0O

Os Betolas

foto do autor


Estamos a Seguir

Seguimos


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D